Como escolher o piso na corporativa

Como escolher o piso na corporativa

Uma das grandes dúvidas ao se planejar o layout de um ambiente é o dilema de qual piso compensa mais escolher.
Para quem não sabe, o piso tem muitas funções nos ambientes, ou seja, além de peças e estilos decorativos, possuem, de fato, uma finalidade de acordo com seu tipo, material e variações.
Sabendo que funcionalidade e design é uma combinação favorável a qualquer ambiente, fizemos este artigo pensando no seu espaço corporativo e daremos dicas de pisos frios, carpetes e piso vinílico.

Entendendo melhor as funcionalidades do piso no seu ambiente

Quando se pensa no melhor piso para a sua empresa, também deve se pensar na facilidade em limpá-lo no dia a dia, a praticidade para o local de trabalho, o tipo de revestimento que pode ou não acompanhar a identidade da empresa, enfim, várias questões devem ser levadas em consideração.
Recomenda-se então, reparar em algumas dicas para assim garantir uma maior assertividade na escolha do piso do seu espaço corporativo, tais como:

  • Agilidade na instalação e em futuras modificações
  • Praticidade em deixar o piso limpo
  • Alta resistência, o que afeta diretamente da durabilidade deste piso e manutenção
  • Atentar-se ao isolamento acústico mais adequado, evitando sons como eco, reverberação e reamplificação.
  • Se possível, evitar pisos com as faces muito lisas.
  • Colocar em planejamento no projeto de Design Corporativa como uma das saídas os pisos elevados.
  • Custo e benefício
  • Conforto e segurança

Pisos frios

Existem vários modelos, porém os mais comumente utilizados são: porcelanato e cerâmica.
Em questão de design e contemporaneidade, poderíamos inferir que não estão muito em evidência em se tratando de tendências, porém, possuem duas funcionalidades bastante promissoras: alto grau de resistência a água e características antiderrapantes.
Seus pontos fracos versam na questão da resistência, pois são um pouco frágeis e efeito acústico barulhento.
Apresentam-se nos mais variados tamanhos, cores, espessuras, texturas e sua limpeza pode ser realizada apenas com um pano úmido.

Piso vinílico

Bem contemporâneo, este tipo de piso agrada muito pela sua variedade de personificação, podendo harmonizar e decorar ambientes os mais diversificados possíveis, em especial em espaço corporativo que transita entre rústico e moderno.
Para sua manutenção são necessários vários procedimentos extras para limpeza, elevando mão-de-obra e custos. Tem a vantagem de possuir uma excelente durabilidade e não retém a poeira.
Em termos de sustentabilidade do meio ambiente saiba que o piso vinílico é feito com materiais recicláveis.
O material não mancha, é antialérgico, porém não indicado para áreas externas, úmidas ou que tenham muito contato com água. Deve se ter cuidado com mobiliário com pontas para não riscar este tipo de piso.

Carpete

Representativo de uma ótima acústica e conforto térmico, os carpetes podem ser de vários materiais como nylon, lã, poliéster, coloridos, neutros, em manta ou diversas placas.
Muitas pessoas associam seu uso à proliferação de alergias, porém é exatamente o contrário: ele evita que a poeira se espalhe no local, melhorando a qualidade do ar interno.
Apesar de ser fácil para limpar, seu modelo em placas é mais prático ainda, pois, não há necessidade de trocar toda a peça.
Sua limpeza é feita com pano um pouco úmido e aspirador de pó e deve ficar atento ao excesso de água, pois causa mofo.

Enfim…

Sem dúvida alguma pode-se perceber o quanto o piso impacta tanto no layout quanto na funcionalidade de um espaço corporativo, podendo causar boas e más interpretações estéticas, além de excelentes funções.
Evidenciando que os mais diversos estilos realmente conversam com o ambiente em questão, é preciso calma, avaliação e planejamento na hora de optar por uma ou outra opção, levando em consideração as características visuais aliadas à natureza funcional dos pisos.

E você qual modelo vai escolher para o seu ambiente corporativo? Conte-nos aqui. Boa leitura e até mais no próximo artigo!

Deixe um comentário